segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Os Diferentes Tipos de Alisamento

  Não é de hoje que muitas vêem em placas de salões escovas de nomes que vão da japonesa à alemã, prometendo fazer um milagre capilar. Vão no salão, fazem a tal escova e ficam com os fios lindos! Até que chegam em casa, lavam, e vêem a besteira que fizeram. Ai vão correr atraz de outra quimica pra reparar o que essa fez, alisam denovo, descolore, pinta, prancha, escova, cacheia e tudo mais. Fazem tudo que está ao alcance, e o cabelo só piora!

O erro da maioria é não saber qual o princípio ativo do alisamento que estão a fazer. Mas não é culpa delas, não! Os salões estão sempre escolhendo mil nomes diferentes, confundindo a clientela. Num salão X, você encontra uma dita “Escova Progressiva” feita com Amônia. Já na outra esquina, há uma outra “Escova Progressiva” feita de Sódio.. E por ai vai. Nesse post, meu objetivo é listar e dar uma explicada superficial em cada um desses princípios ativos mais utilizados.
 matrix_8
Tioglicolato de Amônia
– O famoso “tio” realinha as pontes de enxofre dos fios, sendo necessário o uso de um neutralizante depois de seu uso. Por realinhar, ela pode ser usado tanto em alisamentos quanto em permanentes, para cachear o cabelo. É um ótimo alisante, mas não é recomendado para todo tipo de cabelo, pois não tem força para alisar um cabelo muito crespo ou cacheado. Ela é compatível com colorações e descolorações também. Esse é o alisante que eu uso. Meu cabelo é ondulado e sou muito satisfeito com o resultado do tio no meu cabelo! Não pretendo trocar tão cedo!

  Hidróxidos – Existem os Hidróxidos de Sódio, de Lítio e a Guanidina. Eles quebram as pontes de enxofre dos fios, que são o que causam o efeito cacheado. São mais potentes que o “tio”, sendo mais recomendados para cabelos crespos ou cacheados. Entre esses, o sódio é o mais potente, depois vem a guanidina, e depois vem o lítio. Este ultimo é raramente usado, por ser mais caro e difícil de encontrar. Os hidróxidos são compatíveis entre si, ou seja, um cabelo alisado com sódio pode ser retocado ou alisado novamente com guanidina e etc. Mas é de extrema importância o teste de mecha, afinal, cada cabelo uma sentença, e o fio pode não aguentar outra química. Os hidróxidos não são compatíveis com o tioglicolato de amônia, nem com colorações a base de amônia e nem com descolorações.

  Henê – Aaah.. o henê. Muitas pessoas amam, e muitas pessoas odeiam. É um alisante da família dos metais, e deixa o cabelo incrível: super liso, muito brilhante, natural… e preto. BEM preto. O henê, além de alisar, tinge o cabelo de preto, e são necessárias várias aplicações para atingir o resultado final. Quem usa henê tem uma rotina de aplicações, tanto no comprimento quanto na raiz. Importante ressaltar que o henê não é compativel com NADA. Cabelos com henê não podem usar outro tipo de alisante, nem pintar e muito menos descolorir. Uma vez que você o usa, não tem volta. Se quiser abandonar, tem que esperar o cabelo crescer mesmo.

  Formol – Esse é polêmico! Basicamente, o formol encapa o fio, mantendo-o liso temporariamente até que essa capa saia, quando se volta a usá-lo, tendo um efeito progressivo. É por isso que cabelos alisados com formol devem usar shampoos suaves, de baixo pH, para evitar que esta capa saia rapidamente. O formol pode ser usado para suavizar cachos ou alisar cabelos ondulados. Ele é compativel com todas as químicas. O processo consiste apenas em fazer uma mistura de queratina, formol e desfrizzante, cada um com sua devida concentração, aplicar nos cabelos bem lavados, escovar e pranchar. O perigo está na hora da escovação: ao ser aquecido, o formol se torna um gás perigoso. Causa ardência no olho, problemas respiratórios e todos aqueles efeitos que a gente já conhece… Mas isso tudo pode, sim, ser evitado, ao se usar uma baixa concentração de formol e usar luvas, máscaras e aplicar num local bem ventilado. Mas mesmo com tudo isso, é sempre necessário muito cuidado. Ele é o ativo da original “escova progressiva”. Não existe escova progressiva sem formol! As que dizem ser sem formol, contém algum outro alisante citado nesse post, e ai começa a confusão…

E é isso! Se pretendem realizar algum desses alisamentos, não recomendo a ninguém tentar fazer em casa. Procurem a ajuda de um profissional, que entenda do assunto e saiba aplicar. E SEMPRE faça um teste de mecha, para ver se o fio aguenta uma química e se você vai gostar do resultado final!

Isso ai gente… Espero que tenham gostado :) Obrigado a todos, e até o próximo post!

*Obs: Tenho que agradecer a Paulinha, ao Marvin e ao Dariel, da comunidade Hidratação Capilar do Orkut! Tiraram várias dúvidas que eu tive enquanto escrevia (: Muito obrigado à todos vocês!

22 comentários:

  1. Quanto ao Henê... atualmente não existe o preto apenas, já há algumas opções de cores, como castanho claro, castanho médio, chocolate, e até mesmo incolor.

    Se quiser atualizar o post, marcas como Divina Dama, Maru e Zilda oferecem opções de tonalidades. ;o)

    ResponderExcluir
  2. kk amei a imagem do formol

    E sim não façam sozinhos em casa, já fiz essa cagada ;(

    ResponderExcluir
  3. Sim, o hene tem várias cores, mas no fim ele tinge de preto, porque uma das formulas do alisamento faz isso. Mesmo sendo incolor, no fim, ficará preto.

    E amey o blog, vocês podiam fazem um post sobre ele (o hene), e tirar as dúvidas de pessoas que acham que ele tem chumbo e que dar câncer ¬¬'.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não ficará não! O meu está liso e castanho!

      Excluir
  4. Aplico henê castanho em um cabelo castanho claro há mais de 6 meses e não mudou nem um pouquinho de cor. Se sempre tingisse de preto, seria propaganda enganosa, fato! Os henês coloridos existem e funcionam perfeitamente, embora demorem um pouco mais pra alisar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Quel, vc ainda usa hene castanho? Seu cabelo continuou castanho ou escureceu... Ja usei hene a alguns anos atraz, mas o preto, cai na besteira de parar e descolorir, resultado metade do meu cabelo foi embora junto com a aparencia =/ agora to querendo voltar a usar, ams a cor preta não me agrada muito... Aguardo sua resposta, bjos!

      Excluir
    2. SE UMA PESSOA USA HENÊ ELA NÃO PODE USAR QUALQUER OUTRO PRODUTO ATÉ QUE SAI TOTALMENTE TODO O HENÊ.

      Excluir
  5. É como você disse, é propaganda enganosa, na verdade. - porque é o marketing.

    "O pirogalol - substancia ativa do hene - é de cor preta, portanto, para que os cabelos não fiquem pretos rapidamente, os henês de outras cores levam menos quantidade de Pirogalol e consequentemente o poder de alisamento diminui."

    Por isso ele demora mais para alisar. Se ainda não mudou a cor, ótimo. É bom que talvez você não precise usar muito e possa manté-la. O efeito é lento e cumulativo, mas enfim, é o que a prática e a teoria me mostram, não quero dizer que você está certa ou errada.

    bjs

    ResponderExcluir
  6. Sim.. Pelo que eu sei, o que a Savitri disse é verdade.. Acredito que mesmo os incolores ou de outras cores, com o uso continuo, vai deixar o cabelo preto um dia, ou ao menos escurecer.. Só que vai demorar mais pra chegar no preto, e consequentemente, pra alisar.

    ResponderExcluir
  7. O que digo é com base quimica mesmo, o ácido pirogálico tende a depositar pigmentos nos fios, que com o tempo, ficará preto. Demora mais tempo, mas o resultado é o mesmo. Só que o marketing não diz isso, até que você perceba, no final.

    ResponderExcluir
  8. Olá, fazia relaxamento no meu cabelo c/ guanidina, mas decidi me livrar da escova e chapinha e decidi fazer uma texturização(ou ed?). Já tem 1 ano que não uso guanidina, posso fazer a texturização no cabelo todo ou só onde cresceu?

    ResponderExcluir
  9. Olá Karen
    Tem que ver o principio ativo dessa texturização/ED. ED's normalmente são com tioglicolato de amonia, mas pode ser que a sua cabelereira use guanidina.. Pergunta pra ela qual o produto e o principio ativo.
    Se for com tio, só pode fazer onde cresceu e ta natural, mas mesmo assim nao é muito recomendado, porque se a ED encostar na parte com guanidina vai dar problema :/

    ResponderExcluir
  10. Só ressaltando, o henê eh compativel com formol.
    Muitos usuarios q sente dificuldade de alisar a raiz com henê faz progressiva com formol, para ajudar no alisamento.
    Formol eh o unico principio compativél com henê.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De que adianta ser compatível como formol se a quimica que abre os fios não é? Desculpe, mas nõa acredito que alguem q tenha passado hene a menos de 6 meses tenha feito progressiva e nõa houve queda. É completamente sem fundamento

      Excluir
  11. Li muito sobre o princípio ativo ser preto, mas depois de 6 meses sem alterações começo a achar que tem alguma outra coisa além do pirogálico nesses henês "coloridos". =O

    Vai saber... pra ser bem sincera tem anos que não confio no que vem escrito nos rótulos... a maioria é propaganda enganosa mesmo! Só espero que se começar a escurecer seja algo gradativo... se bem que tá quase no ponto de começar a fazer só raiz e não escureceu ainda! Não ficando preto de um dia pro outro tá ótimo, senão estou ferrada! =P

    Mas que fica muito bonito um cabelo alisado com henê e bem cuidado, ah se fica! :o)

    ResponderExcluir
  12. Opa, vale comentar: Como expliquei na minha apresentação relaxei/alisei o cabelo e depois fiz permanente, justamente pq, por sorte, haviam usado tioglicolato de amonia no relaxamento (digo por sorte pq eu nem sabia o que era o que até então..rsrs)
    Ultra informativo esse post!
    :D

    ResponderExcluir
  13. Uso henê a um ano, comecei com incolor, depois castanho, chocolate, vermelho, castanho escuro e por último me rendi ao preto.
    Geralmente henês em bisnaga são a base de pirogalol, mas dos não pretos que usei alguns escureceram meu cabelo e outros não.
    EXISTE henê com outro princípio ativo que não é o pirogalol, posso citar dos que usei, maru incolor, vermelho kerafios em pó, amozonia incolor embelezze. Esses senão me engano o pricípio ativo é algum derivado de amônio e não alteram em nada a cor do cabelo.
    Henê é tdb :)

    ResponderExcluir
  14. tenho 16 anos e meu cabelo é muitoo cacheado e é castanho claro, queria alisar com henê da mesma cor do meu cabelo, será q eu encontro henê castanho claro em tubo?

    ResponderExcluir
  15. Oi,adorei o blog!
    O henê é compativel com formol?!Eu faço preogressiva,será que não dá problema se eu usar o henê?Eu tb acho que vcs deviam fazer uma matéria falando sobre ele...=)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O HENÊ NÃO É COMPATIVÉL COM NENHUMA QUIMICA.

      Excluir
  16. bom tenho 38 anos a 25 alizo meu cabelo ja usei de tudo e nunca obtive o resultado que me satisfazesse , a maioria dos alizantes sejam eles qual a formula, desbotam o cabelo e as tintas que se usam debotam tambem , fazendo o cabelo ficarem com uma cor ruim e querem vender e vender então é quimica sobre quimica e meu cabelo e fino então nunca crescem , sempre se quebram apesar das hidratacões etc , sempre as mídias divulgam estes ou aqueles produtos e nada, e ha algumas linhas de cabelos muito caras , que nem sempre apopulacão tem condicões de arrumar os cabelos e sem falar que nos os brasileiros tem decendencia etinias, principalmmente africanas e, o que me deixa triste e que os quimicos do brasil ainda não fizeram um mega envestimento para as linhas de cabelos afros ou mistos , sendo que quando lancam os produtos so visam lucros, e outra coisa é que quando vemos as cantoras e atrizes , e mulheres ou homens comuns americanas(os) principalmente as negras(os) os cabelos sao maravilhosos e ai vai a pergunta porque?giovami maciel jornalista da cidade de moema mg

    ResponderExcluir